21/02 -> 24/02
Workshop 'Strategies against the map'
Federico Clavarino e Andrea Grützner

Este workshop terá como base uma série de explorações nas áreas redor de “a Ilha”. O limite da área de trabalho será estabelecido até 20 minutos de distância a pé desde o nosso estúdio, que está localizado no bairros dos Anjos em Lisboa.

 

Convidamos os participantes a interagirem com uma narrativa específica, um lugar, uma pessoa, um grupo ou ideia dentro desta área geográfica restrita. “a ilha” está no coração de um cenário urbano muito variado e mutável, de áreas mais ou menos gentrificadas e lugares despreocupados, de ruas que atravessam as colinas famosas da cidade até avenidas movimentadas. Do cemitério do Alto de São João do século XIX ao Instituto Superior Técnico, uma universidade dedicada à ciência e à tecnologia, ou ao hospital psiquiátrico abandonado de Miguel Bombarda, há muitas situações diferentes que podem ser investigadas.

 

Estamos fascinados com a interação da memória e da imaginação, e pela forma como a fotografia pode moldar os lugares em objetos falantes. A fotografia deve ser o principal meio utilizado pelos participantes, mas também estamos interessados em abordagens multidisciplinares. Incentivamos os participantes a fazerem alguma pesquisa antes do workshop, mas também acreditamos em encontros fortuitos e errantes. "a ilha" estará sempre aberta aos exploradores, que podem usá-la como um lugar para reunir coisas, organizar ideias e produzir o projecto.

 

As sessões em grupo serão realizadas todas as noites, e incluirão trocas de ideias dirigidas pela Andrea Grützner e Federico Clavarino. Os participantes também receberão feedback coletivo durante as sessões matutinas, no qual o progresso de cada projeto será discutido.

 

Uma exposição com os resultados do workshop será realizada na galeria principal d'a ilha. Os participantes terão acesso a impressoras de jacto de tinta para produzir a exposição, com preços especiais.

Andrea Grützner

Os interesses de Andrea Grützner envolvem a percepção espacial, estruturas históricas e de memória, irritação visual, o familiar e o não familiar (Erbgericht - 2013-2015). Trabalhando principalmente com processo analógico e, às vezes, luzes e filtros variados, Grützner cria fotografias a cores que são ao mesmo tempo abstratas e representativas, ambíguas e descritivas. No seu trabalho mais recente (das Eck - 2015-2016), a artista navega em espaços urbanos e concentra-se nas estruturas gráficas que ordenam o meio ambiente, usando a sua câmera para desconstruir espaços funcionais. Andrea também dá vários workshops, principalmente trabalhando questões do espaço em fotografia, cor e luz. Mora em Berlim e em Konstanz.


www.andreagruetzner.de

Federico Clavarino

Federico Clavarino trabalha com símbolos. As suas fotografias, muitas vezes close-ups, representam um assunto singular, um detalhe, e coloca-o firmemente em frente ao espectador, não deixando margem para a distração. Elas são as cartas de um jogo desconhecido, formando uma narração sincopada e hiperbólica. Clavarino trabalha principalmente com o formato livro. Italia o Italia (Akina, 2014) é construída sobre as ruínas de um império não resolvido, um lugar em que os monumentos podem ser redimensionados pelo acto de olhar. O livro estabelece uma dualidade contínua que atravessa um labirinto de contrastes e semelhanças. O Castelo (Dalpine, 2016) é uma série dedicada à Europa. A partir da sua história, seguindo os sinais que deixou na pele das cidades ou se escondeu em salas de museus protegidas, buscando os elementos que identificam uma cultura inteira, trabalhando alternativamente como princípios de compartilhamento e separação.


www.federicoclavarino.com

Informações Úteis

Mínimo de participantes: 6

Máximo de participantes: 12

Língua do Workshop: Inglês (Federico também fala Espanhol e Italiano, e Andrea também fala Alemão)

Preço e Data Limite de Inscrição:

320€ - Inscrição até dia 20 de Fevereiro, limitado às vagas existentes.

Contacto para inscrições: lab@artbooks.xyz 

Datas do Workshop: 21 a 24 de Fevereiro (Quarta-feira a Sábado)

Horário: 10:00 – 19:00

Duração: 36 horas

Exposição: Sábado, 24 de Fevereiro, Inauguração 20:00 - 23:00

Destinatários

O workshop é aberto a toda a gente: fotógrafos, artistas, investigadores, flâneurs, historiadores ou apenas curiosos.

Requisitos

Câmera fotográfica digital ou telemóvel com câmera incorporada. 

Computador portátil para exportar e tratar ficheiros.